Francisco J.Marques:” A palavra Benfica foi fatal para a forma como se olhou para o Football Leaks”

O Diretor de comunicação dos azuis e brancos faz comparações entre a investigação Luanda Leaks e do Football Leaks Francisco J. Marques comenta com alguma ironia à mistura a forma como o caso Luanda Leaks (onde recaem suspeitas sobre negócios de Isabel dos Santos) tem sido abordado em Portugal por comparação na forma como tem sido tratado o processo Football Leaks. “Parece que, de repente, uma parte do país acordou para esta questão destas investigações jornalísticas, do trabalho que é feito na divulgação de leaks e de matérias sigilosas que expõem prática de crimes em diferentes atividades”, afirmou Francisco J. Marques, no ‘Porto Canal .

O diretor de comunicação do FC Porto salienta ainda que é “engraçado” trata-se de uma “mesma coisa”. “Só agora estou a reparar nisso”, disse, em tom irónico, certo de que “a palavra Benfica é que foi fatal para a forma como se olhou para o Football Leaks”. Francisco J. Marques está certo de que “mais tarde ou mais cedo” as coisas acabam por “saber-se”. “Há quem esteja mais à vontade e quem esteja menos à vontade. Pelo lado do FC Porto, não temos nada a temer”.