Sporting CP: “Enganaram-se. Pagaram o que nós queríamos”

Francisco Salgado Zenha, vice-presidente do Sporting para a área financeira, concedeu uma entrevista ao semanário Expresso onde abordou a transferência de Bruno Fernandes para o Manchester United neste mercado de inverno.

“O Sporting, tal como o Benfica e o FC Porto, é vendedor líquido de jogadores. E vai continuar a ser. O Bruno [Fernandes] teve de ser vendido porque também havia o interesse em contratar um avançado”.

Salgado Zenha sublinhou ainda que “red devils” enganaram-se ao pensar que o emblema de Alvalade teria “certo desespero” para vender o capitão de equipa.

“Apercebi-me nas negociações que o Manchester United estava convencido de que íamos ceder e que por 50 milhões de euros fazia o negócio. Pois bem, acabaram a pagar 65 milhões”.

Não tenho dúvidas [em relação ao eventual desespero do Sporting]. Enganaram-se. E acabaram por pagar o que nós queríamos. Fomos buscar mais 20 milhões do que se tivéssemos vendido há quatro meses”.

De recordar que Bruno Fernandes, rumou ao Manchester United a troco de 55 milhões de euros, mais 25 milhões por objetivos.