/Sérgio Conceição faz antevisão “Eu quero motivar os jogadores nem que tenha de fazer o pino ou despir-me”

Sérgio Conceição faz antevisão “Eu quero motivar os jogadores nem que tenha de fazer o pino ou despir-me”

O Gil Vicente e FC Porto defrontam-se, neste sábado, pelas 18 horas, num duelo relativo à 22.ª jornada da I Liga.

Uma conferência de imprensa onde voltou a enumerar alguns erros cometidos pelo FC Porto diante do Sporting de Braga, para a Taça de Portugal, e sublinhando que o conquista do campeonato não é uma “missão impossível”.

A confiança é total em todos os jogadores, apesar de alguns terem mais minutos e mais peso na equipa, isso é óbvio. Não se pode ser politicamente correto. Agora também há jogadores que surpreendem e aparecem no onze. Nós também temos de perceber que tem havido uma densidade competitiva acima do normal por tudo aquilo que nós conhecemos e já foi frisado. Isto tudo tem o seu reflexo neste plantel, como em todos. O último jogo da Taça foi muito mau para nós e tive até às 3h da manhã a picar o jogo todo, porque depois fomos para estágio e quis discutir com os jogadores tudo aquilo que não fizemos, até porque é um jogo para lembrar e nunca mais esquecer”.

“É preciso baixar a cabeça e dissecar aquele jogo ao máximo. Não é possível numa meia-final cometer tantos erros. E não se tratou de apenas um erro técnico. Eu fico aziado quando falta atitude aos jogadores e na vida sou igual. Temos de ser determinados na vida. Agora claro que tenha a minha parte de responsabilidade e culpa neste desaire. Eu é que tenho de motivar os jogadores, nem que para isso tenha de fazer o pino ou me despir perante os jogadores. Eu quero é que eles entrem bem”